WhatsApp como meio de comunicação oficial do condomínio

Para advogado, a vida em condomínio requer formalidades que a ferramenta não garante, e por isso, sugere outros canais

Em anúncio do WhatsApp no começo de 2020, a plataforma alcançou a marca de 2 bilhões de usuários no mundo inteiro. A princípio, o uso era mais pessoal, mas aos poucos foi se tornando útil também para empresas, inclusive para condomínios

Difícil encontrar algum condomínio que não tenha um grupo no WhatsApp com todos os moradores. A troca de mensagens de maneira instantânea agiliza muita coisa, mas também pode causar muitos problemas, como desorganização generalizada, aumento da insatisfação e síndico sufocado.

Neste vídeo, o advogado João Paulo Rossi Paschoal adverte que a vida em condomínio requer formalidades que a ferramenta não garante, e por isso, sugere outros meios de comunicação como opção.

Assista!

Fonte: www.sindiconet.com.br/

About the author: leticia